Projeto Social para Jovens mais que Especiais!

Posted on 04fev

Não existem palavras suficiente para descrever o tamanho do amor e quanta emoção existe quando lidamos com pessoas especiais com Síndrome de Down. Foi assim que eu, Patricia Junqueira, fundadora da Escola Brasileira de Etiqueta, fui recebida por eles para uma aula onde ensinei etiqueta para jovens e atendimento ao cliente.

Atendimento ao cliente? Sim, esses jovens de 21 a 30 anos participam de um projeto incrível da PAE onde trabalham em eventos ajudando em todas as atividades corriqueiras, desde entregar ingressos, crachás, brindes, montar kits, etc…. é uma oportunidade de atividade e inserção no mercado de trabalho, além de um reconhecimento incrível do potencial que eles tem.

E para apoiar esse projeto ministrei uma aula para as crianças inscritas na PAE, já que nos trabalhos que exercem muitas vezes lidam com público, convidados VIPs, executivos e até mesmo lidam com toda a equipe organizadora do evento.

Dispensa comentários como é gratificante poder contribuir com um projeto que insere profissionais especiais no mercado. E para eles é muito importante saber se comportar de acordo com a etiqueta, pois esbanjam amor e espontaneidade.

Aprender a sentar-se corretamente, sem se jogar no sofá ou na cadeira – como muitos de nós fazemos – como se levantar, andar devagar, a posição correta das mãos em um evento, postura para falar com as pessoas, sorrir, olhar nos olhos…. um monte de dicas e regrinhas que esquecemos no dia a dia.

Saber cumprimentar da forma adequada, quem se levanta e quando se levanta, olhar nos olhos, sorrir ao cumprimentar, para criarmos vínculos com as pessoas. Já dá para perceber pelas fotos a mudança de postura e a energia contagiante.

Aula de etiqueta para pessoas especiais com sindrome de down por Patricia Junqueira da Escola Brasileira de Etiqueta

E não é que saíram da aula se sentindo empoderados e dispostos a terem uma postura profissional nos seus trabalhos?

Na vida muitas vezes a gente precisa só de uma ajudinha de alguém que acredite em nós e nos mostre nosso potencial, para isso despertar dentro de nós. E é isso que a PAE faz todos dias.

Aula de etiqueta para pessoas especiais com sindrome de down por Patricia Junqueira da Escola Brasileira de Etiqueta

Certamente esses ensinamentos ficarão nas mentes e nos corações de cada um deles, e virão à tona quando precisarem.

E também contarão com a ajuda dos amigos que estavam lá, muitas vezes eles trabalham juntos. E se tem algo que é forte entre eles, é o senso de grupo de amizade.

Aprender a se portar à mesa também foi uma das tarefas que mais gostaram. Nos eventos muitos precisam almoçar com os colegas de trabalho, colocam a mesa e são até garçons.

Ou seja, tudo de muita aplicação prática para o dia a dia.

Depois de uma manhã intensa com muito amor, eu já estava amiga íntima de todos! Rsssss….. E a hora da entrega dos certificados, de ganhar muitos beijos e muitos abraços que eu amei!

Esse é o trabalho que você sai com o coração cheio de alegria em poder contribuir com o desenvolvimento e crescimento de pessoas realmente interessadas em se aprimorar. Um pedacinho de tempo que faz a diferença no mundo em que vivemos.

E receber agradecimentos é uma delícia, mas hoje quem agradece de coração pela oportunidade sou eu, em nome da Escola Brasileira de Etiqueta! A gente entra para doar, mas certamente recebe mais do que deu! Gratidão!

Agradecimentos e Informações sobre PAE:

Maria Clélia – Grupo Gestor PAE – diretoria.grupopae21@gmail.com

Itens Relacionados

RECEBER BEM & ETIQUETA À MESA

CHÁ DA TARDE INGLÊS

ETIQUETA SOCIAL



Back to Top